Nova Trento

Eleições 2020 em Nova Trento

Publicado em 26/11/2020 às 11:39 - Atualizado em 26/11/2020 às 11:39

Neotrentino Tiago Dalsasso é o mais jovem prefeito do Estado. Emedebista foi eleito em Nova Trento aos 27 anos, ao desbancar coligação que estava no poder há 12 anos

Com apenas 27 anos, Tiago Dalsasso (MDB) é o mais jovem prefeito de Santa Catarina, ao se eleger em Nova Trento e desbancar 12 anos de PP e PSDB. A coligação “Por uma Nova Trento, Mudar faz Bem” levou 4.650 votos, o que representa 54,42% dos válidos, contra 3.765 votos de Max Oliveira (PP), 44,07%, e 149 votos do pastor André (PSC) 1,51%. A diferença de 885 votos surpreendeu até mesmo o mais otimista emedebista.

Dalsasso montou chapa com o Partido Liberal e trouxe o empresário do ramo da construção, Moacir Dallabrida, para reforçar a coligação. “O Moacir é um grande parceiro. Apresentamos o projeto e ele veio para reforçar nossa coligação. Com certeza será um vice-prefeito presente”, diz Dalsasso.

O objetivo do jovem prefeito é montar uma equipe técnica. Como o processo de transição será rápido, Tiago destaca que no dia 30 de novembro, após conversa com o prefeito Gian Francesco Voltolini (PP), iniciarão as tratativas de troca de comando. “Até lá, já teremos os secretários definidos, aos menos as pastas necessárias para esse momento”, informa. 

No dia da votação, Tiago revelou que o objetivo era esperar a abertura das urnas na casa da avó. “Mas percebi que nossa equipe estava na escola (Francisco Mazzola) e que havia muita torcida nossa do lado de fora. Então decidi permanecer no local”.

Nas primeiras urnas, Max saiu na frente e a provocação foi inevitável. Porém, com as demais urnas, Tiago Dalsasso teve uma vantagem considerável e a emoção tomou conta dos correligionários. “Ao sair da escola já em comemoração, vi meus tios chorando e cai nas lágrimas e nos braços do povo”, conta.

MDB terá maioria no legislativo

A renovação em Nova Trento não se limita ao Poder Executivo. O Legislativo também terá novidades consideráveis. O MDB terá maioria simples, sendo que apenas Édo Piazza é veterano. Os demais são novatos: Luiz Fernando Eccel Rachadel, Flávio Felipe Dalprá, Gustavo Orsi e Emerson Machado.

O PSDB elegeu dois nomes: o ex-secretário de Obras, Joel Garbari e Gabriel Batisti, ambos ocuparão a Câmara pela primeira vez. Já o PP elegeu dois: o atual vereador Sílvio César Correia e o ex-secretário de Administração, Jucelino Marino Chini, que também já foi do legislativo.

--

Por Juliano César | Jornal Correio Catarinense